Parking News

Geral

Aeroportos: preços de lanchonete e de estacionamento lideram queixas

02/05/2018


Voltar


aeroportosalvador-931

O valor da alimentação e dos produtos comerciais, o custo do estacionamento e o acesso à internet sem fio são os itens mais mal avaliados pelos passageiros nos 20 principais aeroportos brasileiros. Os dados são parte da Pesquisa de Satisfação do Passageiro, divulgada dia 25 de abril pelo Ministério dos Transportes.

Numa escala de zero a cinco, o custo-benefício das lanchonetes e restaurantes teve nota 2,85; há cinco anos, quando a pesquisa iniciou, a nota foi de 2,25. Desde 2013, o nível de satisfação relativo ao item subiu 27%, mas a nota ainda está abaixo da meta do governo (4).

Já o valor para estacionar o carro no local recebeu nota 3,06, seguido pelos custos dos produtos comerciais (3,17), qualidade do Wi-Fi (3,27) e disponibilidade e locação de bancos, caixas eletrônicos e casas de câmbio (3,62).

As melhores notas registradas foram para a cordialidade dos funcionários de check-in e da imigração.

Segundo o estudo, em cinco anos, o índice de satisfação em relação aos aeroportos que movimentam 87% dos passageiros no país subiu 14%. Enquanto em 2013 eles obtiveram 3,86, no primeiro trimestre, ela saltou para 4,30.

Curitiba: melhor avaliado

Os aeroportos com melhor avaliação foram Curitiba e Viracopos, em Campinas. Já os piores avaliados foram Florianópolis e Vitória.

Desde 2013, o aeroporto de Manaus (AM) teve a maior evolução na satisfação: 34%. Confins (MG) ficou em segundo com 32%, seguido de Campinas e Brasília, empatados com alta de 22%. Já Fortaleza registrou uma piora de 5%.

Curitiba registrou a maior nota na satisfação geral dos passageiros em 9 das 21 rodadas da pesquisa; seguido de Viracopos (SP), oito vezes; e Recife (PE), duas.

Veja os itens pior e melhor avaliados nos aeroportos

O que precisa melhorar:

- Custo-benefício de lanchonetes e restaurantes (2,85)

- Custo-benefício do estacionamento (3,06)

- Custo-benefício dos produtos comerciais (3,17)

- Qualidade da internet/wifi (3,27)

- Disponibilidade e localização de bancos, caixas eletrônicos e casas de câmbio (3,62)

 

O que vai bem:

- Cordialidade e prestatividade dos funcionários no check in (nota média 4,68)

- Cordialidade dos funcionários na emigração (4,66)

- Tempo na fila da emigração (4,61)

- Cordialidade dos funcionários na aduana (4,61)

- Cordialidade dos funcionários na imigração (4,59)

Fonte: Destak, 25/04/2018


Outras matérias da edição


Mercado imobiliário e a visão dos urbanistas

Por Jorge Hori*Os terrenos urbanos eram valorizados pe (...)


Sindepark divulga a pesquisa Pinheiros – Parte 1

O Sindepark está realizando pesquisa sobre a atividade em estacionamentos na região de Pinheiros, dividida em dua (...)


Trabalho intermitente no Brasil: o que mostram as primeiras estatísticas

A Lei 13.467, em vigor no Brasil desde 11 de novembro de 2017, trouxe mudanças importantes à legislaç&at (...)


O shopping na palma da mão (SP)

O Centro Comercial Aricanduva anunciou o desenvolvimento do Aplicativo Aricanduva, a partir da Plataforma MapMkt. O app engloba ativida (...)


Copa do Mundo 2018: entenda como fica o trabalho nos dias de jogos

  A Copa do Mundo, maior evento mundial do futebol, será realizada neste ano na Rússia. A abertura ocorrerá no dia 14 de junho (quinta), e o encerramento, no dia 15 de julho (domingo). Alé (...)


Centro de Apoio II inaugura estacionamento (Alphaville/SP)

Depois de cinco anos, o estacionamento do Centro de Apoio II (Avenida Vênus), em Alphaville, Santana de Parna&iacut (...)


Legislativo aprova alteração de uso das vagas de zona azul por idosos e deficientes (Arujá/SP)

Foi aprovado em 2ª discussão e votação o projeto de Lei nº 92/2018 de autoria do vereador Sebastião Vieira de Lira (PSDC), o Paraíba Car, que altera o uso das vagas do estacionamento (...)


Sem Zona Azul, moradores reclamam de ação de flanelinhas (Marília/SP)

Desde fevereiro, quando a Legião Mirim deixou de vender cartelas de estacionamento da Zona Azul em Marília, os motoristas n&a (...)


Prefeitura de Biritiba suspende o Zona Azul (SP)

A cidade de Biritiba Mirim não conta mais com o serviço de Zona Azul desde o começo do mês de abri (...)


Sem estacionamento rotativo, motoristas lidam com a falta de vagas em Itaúna (MG)

  Dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) apontam que Itaúna tem aproximadamente 54 mil veículos. Na área central são 530 vagas de estacionamento, de acordo (...)


Novos parquímetros começam a ser instalados na Avenida Brasil (Cascavel/PR)

Após instalar as bases e hastes para os parquímetros, a empresa vencedora do processo licitatório pa (...)


Estacionamento rotativo é suspenso em Guarapari (ES)

O sistema de estacionamento rotativo que funcionava em Guarapari há mais de dois anos foi suspenso. A decisão &ea (...)


Guarda aplicou 242 multas em dois meses nos shoppings e supermercados (RJ)

Somente nos dois primeiros meses do ano, a Guarda Municipal aplicou 242 multas por desrespeito às vagas destinadas a idosos e pessoas co (...)


Seis empresas estão na disputa pelo Zona Azul Digital (Fortaleza/CE)

Das 15 empresas que se credenciaram para desenvolver o aplicativo da Zona Azul Digital de Fortaleza, regulamentando vagas de estaci (...)


Suplício do garajão (Manaus/AM)

  Inaugurado no final dos anos 80, com a promessa de solucionar de uma vez o problema da falta de estacionamento no Centro de Manaus, o edifício-garagem - popularmente conhecido como “garajão&rdq (...)


Venda on-line de carros seminovos movimentou R$ 2,6 bilhões

As vendas on-line de carros seminovos começaram o ano aquecidas, com faturamento de R$ 2,64 bilhões no primeiro trimestre de 2018. (...)


Volvo Cars quer metade das vendas composta por carro elétrico até 2025

A Volvo Cars quer que metade de suas vendas totais seja composta por carro elétrico, sejam eles 100% elétrico (...)


Cadastre a sua empresa no Sindepark

Clique Aqui