Parking News

Inteligência Estratégica

Estacionamentos e nova estruturação de grandes cidades

27/11/2018


Voltar


 

Por Jorge Hori* - Para melhoria da mobilidade urbana, a condição básica é superar as disputas entre os modos de transporte, cada qual com o seu time e os seus torcedores, para buscar a solução na multimodalidade e na conexão entre eles.

A cidade deve ser estruturada por eixos de transporte coletivo de alta capacidade. Substituídos por sistemas de média capacidade, enquanto aquelas não forem implantadas. No primeiro caso estão os sistemas metroviários, no segundo os BRTs. Tanto um quanto outro deverão comportar estações de transferência intermodais, devidamente projetadas com as áreas para os transbordos.

Os sistemas deverão ser concebidos como serviços, com os seus desdobramentos pela natureza deles e não pelo veículo.

Os serviços de mobilidade deverão ser desdobrados então entre os serviços estruturais, subestruturais e os de alimentação e de distribuição. Os eixos principais deverão comportar serviços de transporte coletivo de massa, como o metrô subterrâneo ou aéreo, sem interferências. Devem oferecer qualidade para viabilizar a migração do transporte individual para o coletivo.

As estações de metrô deverão ser os principais hubs, de conexão intermodal, sendo condição fundamental para tal que tenha integrado estacionamentos, física e tarifariamente.

Esses estacionamentos deverão ser base de serviços de carros compartilhados.

Por outro lado, para que os serviços de carros compartilhados sejam viáveis economicamente, os locais de destino deverão ser concentrados. O que leva a uma estruturação futura das cidades com áreas de alta densidade de ocupação do solo, multiuso, verticalizada e maior fluidez de trânsito. O que parece ser uma contradição, mas poderá não ser.

* Jorge Hori é consultor em Inteligência Estratégica e foi contratado pelo SINDEPARK para desenvolver o estudo sobre a Política de Estacionamentos que o Sindicato irá defender. Com mais de 50 anos em consultoria a governos, empresas públicas e privadas, e a entidades do terceiro setor, acumulou um grande conhecimento e experiência no funcionamento real da Administração Pública e das Empresas. Hori também se dedica ao entendimento e interpretação do ambiente em que estão inseridas as empresas, a partir de metodologias próprias.

NOTA:

Os artigos assinados não refletem necessariamente a opinião do SINDEPARK.


Outras matérias da edição


Venha fazer seu treinamento na nossa sede

  Alguns de nossos associados já estão utilizando o auditório do Sindepark para realizar treinamentos, como a Multipark, por exemplo. Na foto, colaboradores dessa empresa participam de um curso (...)


Veja a alteração do texto da cláusula de Gratificação por Tempo de Serviço

O Sindepark informa que foi retificada a cláusula Gratificação por Tempo de Servi (...)


Sindicato divulga pesquisa Jardins – Parte 1

O Sindepark está realizando estudo sobre a atividade na região dos Jardins e, devido à dimensão e a (...)


Cultura de propriedade do carro ainda é forte no Brasil

O desejo de ter um carro ainda se mantém forte na cultura brasileira, segundo revela uma pesquisa sobre a relação da (...)


Aplicativo vai trazer bicicleta elétrica Jump ao Brasil em 2019

  O serviço de bicicletas elétricas compartilhadas do Uber, chamado de Jump, deve chegar ao Brasil a partir do ano que vem. Espalhado por várias cidades dos Estados Unidos, o Jump tem São (...)


Empresa planeja vender carro novo on-line

A venda de carros completamente on-line tende a ganhar força no Brasil a partir do ano que vem com a chegada de uma empresa de peso no segment (...)


Rota 2030 é o acontecimento mais importante desde a regulamentação da indústria automobilística brasileira, em 1956

Pode parecer exagero, mas não é. O programa Rota 2030, depois de quase 20 meses de estudos, propostas e aprovaç (...)


Projeto na Alerj obriga distribuidoras a instalar recarga para carro elétrico em estacionamentos públicos (RJ)

O deputado estadual do Rio de Janeiro Waldeck Carneiro protocolou na Alerj dia 23 o Projeto de Lei 4.491/18, que obriga (...)


Com parceria, Banrisul entra no mercado de estacionamentos

O Banrisul anunciou nesta segunda-feira (26) que sua unidade Banrisul Cartões fez acordo com a OPnGO, o que marca a entrada (...)


Parquímetros (Balneário Camboriú/SC)

O Tribunal de Contas do Estado (TCE) revogou a suspensão cautelar que havia interrompido o processo de aluguel de (...)


Chevrolet Opala completa 50 anos

  Há 50 anos, no dia 19 de novembro de1968, aChevrolet começou a mudar sua imagem no Brasil. A montadora norte-americana, que até então só vendia no País caminhões e (...)


Cadastre a sua empresa no Sindepark

Clique Aqui